O custo de vida mensal para a Cidade do Cabo é de 6.854,50 rands para uma pessoa solteira e sem filhos.
IMPORTANTE: antes de avaliar o custo, deve-se levar em consideração que a moeda utilizada na África do Sul, o RAND (R), é bem desvalorizada em comparação ao real (R$) – em média, um real vale quatro rands. Por isso, em um primeiro momento, os valores podem parecer muito altos, mas assim que você fizer a conversão, verá que são bem atrativos.
Abaixo, fizemos uma lista de gastos do dia-a-dia que podem te auxiliar na programação financeira do seu intercâmbio.

 

Aluguel

Apartamento de 1 quarto no centro da cidade: R 8.000,00 a R 15.000,00;

Apartamento de 1 quarto fora do centro da cidade: R 5.000,00 a R 8.000,00;

Apartamento de 3 quartos no centro da cidade: R 15.000,00 a R 27.000,00;

Apartamento de 3 quartos fora do centro da cidade: R 10.000,00 a R 16.000,00.

 

Utilidades

Básica (eletricidade, saúde, água, lixo) para um apartamento de 85 m²: 500,00 R a 1.300,00 R;

Internet: R 450,00 a R 1.100,00.

 

Transporte

One-way Ticket (transporte local): R 9,00 a R 15,00;

Ticket mensal (preço regular): R 250,00 a R 500,00;

Táxi chamada (tarifa normal): R 10,00 a R 20,00;

Táxi 1 km (tarifa normal): R 10,00 a R 12,00.

 

Mercado

Leite regular (1 l): R 10,00 a R 16,00;

Pacote de pão (500 g): R 9,00 a R 15,00;

Arroz branco (1 kg): R 11,00 a R 28,00;

Ovos (dúzia): R 16,00 a R 35,00;

Peito de frango (1 kg): R 50,00 a R 99,99.

Carne de gado (1kg): R 65,00 a R 130,00.

 

Restaurantes

Refeição básica: R 80,00 a R 130,00;

Fast-food combo: R 48,00 a R 65,00;

Água: R 6,00 a R 15,00;

Refrigerante: R 8,00 a R 15,00.

 

Fonte: https://www.numbeo.com/cost-of-living/in/Cape-Town

 

O transporte público na Cidade do Cabo não é um dos pontos fortes mais fortes da cidade, porém existem diversas opções que podem tornar sua viagem mais cômoda. Abaixo, nós listamos algumas opções e dicas que você pode utilizar quando visitar a “Cidade Mãe”, como é chamada.

 Ônibus e vans

Essa é uma das opções mais baratas que você encontrará. Como os ônibus não circulam por todas as áreas da cidade, você pode contar com as vans para ter acesso às demais.

 Trem

É uma ótima opção para quem precisa ir para áreas mais distantes do centro da cidade.

 Táxi

Essa é uma opção muito utilizada por turistas e que é, relativamente, barata. É importante saber que, apesar de ser obrigatório, alguns motoristas não gostam de usar o taxímetro. Então, é preciso ficar atento para lidar com a situação.

A melhor maneira de não pagar um preço abusivo é pesquisar o trajeto antes de entrar no táxi e saber a distância percorrida. Ao entrar no táxi, pergunte se o motorista usa o taxímetro. Caso ele não utilize, negocie o valor antes de partir e não tenha medo de negociar até chegar ao valor adequado.

Caso ele use o taxímetro, fique atento para ele não pegar trajetos alternativos e mais longos.

Pegar táxi na Cidade do Cabo é uma boa alternativa, porém, assim como acontece também no Brasil, é preciso ficar atento para evitar inconvenientes.

Rikkis

Os Rikkis são carros coletivos que funcionam como táxis. Os preços são muito bons para quem precisa circular pelo centro da cidade. Vale lembrar que essa é uma opção de transporte que você divide com outras pessoas.

 Carro

Uma das opções mais confortáveis é alugar um carro. Na Cidade do Cabo, as ruas e rodovias são bem sinalizadas e fáceis de dirigir. Mas fique atento: na África do Sul é utilizada a mão inglesa, então você irá dirigir no lado esquerdo das vias, com o volante na direita do carro.

É aconselhável levar a permissão internacional para dirigir, que você solicita nos postos de atendimento do DETRAN do seu estado.

Robben Island

Um lugar bem interessante e que deve estar incluso no seu roteiro é a Robben Island. Localizada a 11 km de distância da Cidade do Cabo, é um destino essencial para quem quer conhecer mais sobre a luta contra o Apartheid. Considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, foi lá que Nelson Mandela e seus companheiros ficaram encarcerados por décadas. Além de sua importância história, a ilha também é um santuário para muitas espécies animais.

 Table Mountain

Para quem gosta de aventura e contato com a natureza, a Cidade do Cabo tem atividades interessantíssimas, com passeios ao ar livre e prática de esportes. A Table Mountain – ou Montanha da Mesa, em português – tem seu topo achatado, formando um planalto de aproximadamente 3 km de comprimento e mais de 1 km de altitude. Ela recebe esse nome pois, de vez em quando, um fenômeno climático que se caracteriza por correntes geladas, forma um tipo de nuvem branca em seu cume, parecendo uma toalha. A Table Mountain é o principal cartão postal da cidade e uma das atrações turísticas mais visitadas, podendo ser vista de quase toda a Cidade do Cabo. É possível escalar a montanha através das trilhas do parque nacional onde ela fica situada, ou – se você prefere evitar a fadiga – pode chegar ao topo pelo teleférico que oferece uma vista de tirar o fôlego.

 Boulders Beach

Outro lugar encantador que certamente merece estar no seu roteiro de viagem é a Boulders Beach. Conhecida como Praia dos Pinguins, talvez essa seja a visão mais exótica da Cidade do Cabo: uma praia de areia branca habitada por uma colônia de pinguins-africanos que aqui se estabeleceram em 1982! Apesar de ser uma das praias mais atraentes da Cidade do Cabo, não pense que você vai conseguir chegar por lá e dar um mergulho na água maravilhosa de cor turquesa, ela é extremamente gelada e os pinguins agradecem por isso. Aos visitantes, plataformas de madeira permitem que se desfrute da exótica companhia sem causar danos à paisagem.

 Safaris

Uma das primeiras coisas que vêm à mente quando pensamos em África do Sul são os safaris. Há parques nacionais nas proximidades da Cidade do Cabo que, além de te garantirem uma experiência incrível, de poder estar perto da vida selvagem, são altamente controlados e garantem um turismo consciente e sem exploração animal.

 Vinhedos

O vinho africano – além de ser um dos melhores do mundo, com fama internacional – é famoso por “BBB”: “bom, bonito e barato. :p Por conta disso, as visitas aos vinhedos são alguns dos passeios mais procurados pelos turistas na África do Sul. A apenas uma hora da Cidade do Cabo você pode visitar várias vinícolas da região e desfrutar de inúmeras provas de vinho. Imagine o sul de França mas num cenário mais exótico e ainda assim estará longe de ter uma ideia do encanto desta região única.

Na África do Sul, a energia elétrica é distribuída em 220/230 volts AC 50 HZ.

São utilizadas as tomadas elétricas do tipo C, D, M e N. Como o país possui vários padrões, o ideal mesmo é adquirir um adaptador que pode ser encontrado logo na chegada, no aeroporto, ou em supermercados e lojas de eletrônicos.

Abaixo segue uma imagem tipo N.

 

Como chegar

Não há voos direto até a Cidade do Cabo. Mas existem voos com conexão em Johannesburg, operados pela South Africa Airlines, parceira da cia TAM. Também há voos com conexão em Luanda, operados pela TAAG Angola Airlines.

Porém, você não precisa se preocupar com isso, nós lhe daremos toda a assistencia necessária para organizar todos os voôs para sua viagem ser perfeita.

A melhor época para curtir a Cidade do Cabo – e suas praias, para quem gosta – é no verão, de novembro a março. Nesse período as temperaturas são altas e costuma chover menos.

Agora, se você quer muito conhecer os safaris, prefira ir durante os meses mais frios, de junho a agosto, por causa da visibilidade na savana. Nesse período, a mata ainda não está alta e verde, por causa do inverno, o que facilita a observação de animais.

A Cidade do Cabo – em inglês Cape Town – é a capital legislativa da África do Sul. O país tem outras duas capitais: Pretória, que é a capital administrativa, e Bloemfontein, a capital judiciária. A Cidade do Cabo é a segunda mais populosa do país, ficando atrás apenas de Joanesburgo. Muito famosa pelo seu porto natural, a cidade possui marcos bem conhecidos, como a Montanha da Mesa, um dos mais populares destinos turísticos nacionais.


Em 2015, a população estimada da Cidade do Cabo era de, aproximadamente, 3,5 milhões de pessoas.
A cidade é um importante polo comercial e industrial, tendo um dos principais portos do país. Sua economia é baseada nos setores de refinação de petróleo, automóveis, alimentar, químico, têxtil e construção naval.


Para nós brasileiros, a África do Sul é um excelente destino por conta do câmbio: um real equivale a aproximadamente 4 rands (moeda local) e o poder de paridade é muito bom.
A gastronomia sul-africana é uma deliciosa mistura das culturas de todos os povos que aqui se estabeleceram. Uma das heranças que a África do Sul carrega, por conta da colonização britânica, é o gosto por chás. Um dos mais consumidos no país é o Rooibos, feito a partir de uma planta indígena. Dentre os principais pratos estão o melkert, um pastel muito semelhante ao pastel de nata, que é igualmente servido polvilhado por canela; o braai, os deliciosos churrascos onde não podem faltar as boerewors (salsichas) e bobotie, uma espécie de empadão com caril; e a Gatsby, um enorme sanduíche recheado com carne, queijo e batata frita!

O custo de vida mensal para a Cidade do Cabo é de 6.854,50 rands para uma pessoa solteira e sem filhos.
IMPORTANTE: antes de avaliar o custo, deve-se levar em consideração que a moeda utilizada na África do Sul, o RAND (R), é bem desvalorizada em comparação ao real (R$) – em média, um real vale quatro rands. Por isso, em um primeiro momento, os valores podem parecer muito altos, mas assim que você fizer a conversão, verá que são bem atrativos.
Abaixo, fizemos uma lista de gastos do dia-a-dia que podem te auxiliar na programação financeira do seu intercâmbio.

 

Aluguel

Apartamento de 1 quarto no centro da cidade: R 8.000,00 a R 15.000,00;

Apartamento de 1 quarto fora do centro da cidade: R 5.000,00 a R 8.000,00;

Apartamento de 3 quartos no centro da cidade: R 15.000,00 a R 27.000,00;

Apartamento de 3 quartos fora do centro da cidade: R 10.000,00 a R 16.000,00.

 

Utilidades

Básica (eletricidade, saúde, água, lixo) para um apartamento de 85 m²: 500,00 R a 1.300,00 R;

Internet: R 450,00 a R 1.100,00.

 

Transporte

One-way Ticket (transporte local): R 9,00 a R 15,00;

Ticket mensal (preço regular): R 250,00 a R 500,00;

Táxi chamada (tarifa normal): R 10,00 a R 20,00;

Táxi 1 km (tarifa normal): R 10,00 a R 12,00.

 

Mercado

Leite regular (1 l): R 10,00 a R 16,00;

Pacote de pão (500 g): R 9,00 a R 15,00;

Arroz branco (1 kg): R 11,00 a R 28,00;

Ovos (dúzia): R 16,00 a R 35,00;

Peito de frango (1 kg): R 50,00 a R 99,99.

Carne de gado (1kg): R 65,00 a R 130,00.

 

Restaurantes

Refeição básica: R 80,00 a R 130,00;

Fast-food combo: R 48,00 a R 65,00;

Água: R 6,00 a R 15,00;

Refrigerante: R 8,00 a R 15,00.

 

Fonte: https://www.numbeo.com/cost-of-living/in/Cape-Town

 

O transporte público na Cidade do Cabo não é um dos pontos fortes mais fortes da cidade, porém existem diversas opções que podem tornar sua viagem mais cômoda. Abaixo, nós listamos algumas opções e dicas que você pode utilizar quando visitar a “Cidade Mãe”, como é chamada.

 Ônibus e vans

Essa é uma das opções mais baratas que você encontrará. Como os ônibus não circulam por todas as áreas da cidade, você pode contar com as vans para ter acesso às demais.

 Trem

É uma ótima opção para quem precisa ir para áreas mais distantes do centro da cidade.

 Táxi

Essa é uma opção muito utilizada por turistas e que é, relativamente, barata. É importante saber que, apesar de ser obrigatório, alguns motoristas não gostam de usar o taxímetro. Então, é preciso ficar atento para lidar com a situação.

A melhor maneira de não pagar um preço abusivo é pesquisar o trajeto antes de entrar no táxi e saber a distância percorrida. Ao entrar no táxi, pergunte se o motorista usa o taxímetro. Caso ele não utilize, negocie o valor antes de partir e não tenha medo de negociar até chegar ao valor adequado.

Caso ele use o taxímetro, fique atento para ele não pegar trajetos alternativos e mais longos.

Pegar táxi na Cidade do Cabo é uma boa alternativa, porém, assim como acontece também no Brasil, é preciso ficar atento para evitar inconvenientes.

Rikkis

Os Rikkis são carros coletivos que funcionam como táxis. Os preços são muito bons para quem precisa circular pelo centro da cidade. Vale lembrar que essa é uma opção de transporte que você divide com outras pessoas.

 Carro

Uma das opções mais confortáveis é alugar um carro. Na Cidade do Cabo, as ruas e rodovias são bem sinalizadas e fáceis de dirigir. Mas fique atento: na África do Sul é utilizada a mão inglesa, então você irá dirigir no lado esquerdo das vias, com o volante na direita do carro.

É aconselhável levar a permissão internacional para dirigir, que você solicita nos postos de atendimento do DETRAN do seu estado.

Robben Island

Um lugar bem interessante e que deve estar incluso no seu roteiro é a Robben Island. Localizada a 11 km de distância da Cidade do Cabo, é um destino essencial para quem quer conhecer mais sobre a luta contra o Apartheid. Considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, foi lá que Nelson Mandela e seus companheiros ficaram encarcerados por décadas. Além de sua importância história, a ilha também é um santuário para muitas espécies animais.

 Table Mountain

Para quem gosta de aventura e contato com a natureza, a Cidade do Cabo tem atividades interessantíssimas, com passeios ao ar livre e prática de esportes. A Table Mountain – ou Montanha da Mesa, em português – tem seu topo achatado, formando um planalto de aproximadamente 3 km de comprimento e mais de 1 km de altitude. Ela recebe esse nome pois, de vez em quando, um fenômeno climático que se caracteriza por correntes geladas, forma um tipo de nuvem branca em seu cume, parecendo uma toalha. A Table Mountain é o principal cartão postal da cidade e uma das atrações turísticas mais visitadas, podendo ser vista de quase toda a Cidade do Cabo. É possível escalar a montanha através das trilhas do parque nacional onde ela fica situada, ou – se você prefere evitar a fadiga – pode chegar ao topo pelo teleférico que oferece uma vista de tirar o fôlego.

 Boulders Beach

Outro lugar encantador que certamente merece estar no seu roteiro de viagem é a Boulders Beach. Conhecida como Praia dos Pinguins, talvez essa seja a visão mais exótica da Cidade do Cabo: uma praia de areia branca habitada por uma colônia de pinguins-africanos que aqui se estabeleceram em 1982! Apesar de ser uma das praias mais atraentes da Cidade do Cabo, não pense que você vai conseguir chegar por lá e dar um mergulho na água maravilhosa de cor turquesa, ela é extremamente gelada e os pinguins agradecem por isso. Aos visitantes, plataformas de madeira permitem que se desfrute da exótica companhia sem causar danos à paisagem.

 Safaris

Uma das primeiras coisas que vêm à mente quando pensamos em África do Sul são os safaris. Há parques nacionais nas proximidades da Cidade do Cabo que, além de te garantirem uma experiência incrível, de poder estar perto da vida selvagem, são altamente controlados e garantem um turismo consciente e sem exploração animal.

 Vinhedos

O vinho africano – além de ser um dos melhores do mundo, com fama internacional – é famoso por “BBB”: “bom, bonito e barato. :p Por conta disso, as visitas aos vinhedos são alguns dos passeios mais procurados pelos turistas na África do Sul. A apenas uma hora da Cidade do Cabo você pode visitar várias vinícolas da região e desfrutar de inúmeras provas de vinho. Imagine o sul de França mas num cenário mais exótico e ainda assim estará longe de ter uma ideia do encanto desta região única.

Na África do Sul, a energia elétrica é distribuída em 220/230 volts AC 50 HZ.

São utilizadas as tomadas elétricas do tipo C, D, M e N. Como o país possui vários padrões, o ideal mesmo é adquirir um adaptador que pode ser encontrado logo na chegada, no aeroporto, ou em supermercados e lojas de eletrônicos.

Abaixo segue uma imagem tipo N.

 

Como chegar

Não há voos direto até a Cidade do Cabo. Mas existem voos com conexão em Johannesburg, operados pela South Africa Airlines, parceira da cia TAM. Também há voos com conexão em Luanda, operados pela TAAG Angola Airlines.

Porém, você não precisa se preocupar com isso, nós lhe daremos toda a assistencia necessária para organizar todos os voôs para sua viagem ser perfeita.

A melhor época para curtir a Cidade do Cabo – e suas praias, para quem gosta – é no verão, de novembro a março. Nesse período as temperaturas são altas e costuma chover menos.

Agora, se você quer muito conhecer os safaris, prefira ir durante os meses mais frios, de junho a agosto, por causa da visibilidade na savana. Nesse período, a mata ainda não está alta e verde, por causa do inverno, o que facilita a observação de animais.

Hora

Temperatura

+10
°
C
H: +12°
L: +10°
Cidade Do Cabo
Quarta-Feira, 16 Agosto
Ver Previsão de 7 Dias
Qui Sex Sáb Dom Seg Ter
+15° +17° +20° +19° +16° +16°
+11° +11° +11° +15° +15° +15°
Receber promoções por e-mail


Política de privacidade
'

Fale com um consultor