Qual a melhor época para fazer um intercâmbio?

Tags: dicas

06/11/2015

Se tem uma dúvida que fica na nossa cabeça na hora do intercâmbio é decidir o dia exato da viagem. Na Estudar no Exterior, é bem frequente o pessoal perguntar: qual a melhor época para fazer um intercâmbio; e eu posso garantir para vocês que existe sim épocas melhores que outras.

Tudo vai depender do país que você está indo e o tipo do intercâmbio que escolheu. Para aqueles que escolheram estudo mais trabalho é bem importante dar uma pesquisada nas datas antes de marcar a sua viagem.

Quando eu fui para a Irlanda, viajei no dia 12 de outubro e para mim esta foi uma data excelente. Consegui aproveitar os últimos dias de outono e me acostumar aos poucos com o inverno, além de chegar num período próximo ao final do ano. Em novembro já começam as comemorações e o movimento para o Natal e é nesta época que surgem muitos empregos temporários, ótimos para quem está chegando no país.

Pouco depois de um mês na Irlanda, eu já estava empregada; não era fixo, mas trabalhei num restaurante durante todo o mês de dezembro e isso foi ótimo para ajudar com as primeiras despesas da viagem.

Outra época que tem bastante empregos temporários que, depois, podem virar permanente, é no período de verão (entre os meses de julho e agosto). Sem contar que você chega na melhor estação do ano, com dias gigantescos e tem bastante tempo de se acostumar com o país até o frio chegar.

Os meses de janeiro e de fevereiro, para mim, foram os piores; tanto em questão de tempo quanto de trabalho. O inverno não foi tão rigoroso, mas os dias começam às 10h e terminavam às 16h; além disso, o movimento no restaurante que eu trabalhava de forma temporária tinha diminuído muito, então o trabalho não eram tão intensos assim.

Nada disso prejudicou na minha viagem, mas foi porque eu já estava ‘estabilizada’ no país, já tinha juntando uma grana no mês anterior, e conseguido alugar uma casa. Acho que se tivesse chegado na Irlanda entre esses meses o cenário da minha viagem teria sido um pouco diferente.

O bacana mesmo é você se conversar ao máximo com pessoas que já foram para o país que você está indo, e buscar bastante informação sobre o tempo e as oportunidades de emprego. O intercâmbio é uma experiência única para cada um e com você não vai ser diferente!

 

por Mégui Moraes