Estados Unidos: Dicas para facilitar sua estadia na terra do Tio Sam

Tags: dicas usa

28/08/2015

A influência norte-americana sempre esteve presente na vida dos brasileiros. Desde o principio, consumimos grandes produções hollywoodianas, seriados, moda e tendências, comportamento e culinária dos Estados Unidos. Quem nunca sonhou em conhecer o Mickey, fazer compras em Miami, caminhar no Central Park ou contar com a sorte em Las Vegas?  Além disso, sempre sonhamos com o tão idolatrado “American way of life” da terra do Tio Sam.

Com o tempo, tamanha influência fez com que nós brasileiros incorporássemos alguns hábitos dos norte-americanos em nosso dia-a-dia. Porém, quando viajamos para o país, nem sempre estamos por dentro de todos os costumes e hábitos dos americanos.

Por isso, separamos algumas dicas para facilitar a sua vida no exterior:

Gorjetas, sim senhor!

Aqui no Brasil, a gorjeta é opcional e na maioria das vezes, o valor cobrado é de 10%. Nos Estados Unidos, você terá que se acostumar a pagar gorjeta (tips) para tudo! Garçons, taxistas, manicure, carregadores de mala ou qualquer prestador de serviço. Geralmente os valores giram em torno de 15%, 18% e 20%, e você não é obrigado a pagar pelo serviço caso não tenha sido bem atendido. Porém, se o atendimento tiver sido de qualidade, você passará por mal-educado.

 Impostos

Tudo que você comprar nos Estados Unidos terá imposto incluído apenas na hora de pagar. Ou seja, se você quiser comprar aquela bolsa bacana ou aquele boné da NBA e levar "contadinho" o valor da compra, com certeza terá uma surpresa na hora de pagar. Os impostos variam de um estado para o outro e geralmente tem a média de 8%. Existem alguns estados e cidade que são exceção à regra e não cobram impostos em alguns produtos, como sapatos e roupas.

Fast-food não é opção

Engana-se quem pensa que o americano vive a base de pizza e hambúrguer. Nos Estados Unidos come-se verdadeiramente bem e dependendo do estado, você paga um preço justo para isso. O país é cheio de redes de supermercados e é possível achar frutas, verduras, legumes, carnes e pães com ótima qualidade e com bons preços. Tudo é muito fresco e bem organizado nas prateleiras dos mercados, o que torna a busca mais fácil para aqueles que ainda não estão afiados no inglês.

 

Pontualidade

Nada comparado com a pontualidade britânica, porém o americano também é exigente quando se trata de pontualidade. Se você marcar um horário com alguém, cumpra! O americano costuma interpretar como falta de respeito ou interesse quando você não chega no horário marcado. Se você for convidado para uma festa, se marcou um almoço ou um date, chegue sempre no horário combinado. E não adianta dar a culpa no trânsito ou no clima, você deve ser responsável em planejar seu tempo.

Cupom mania

Essa dica é pra quem gosta de um bom desconto. Americanos estão sempre pechinchando algum desconto, e por isso, costumam pesquisar antes de comprar alguns produtos para saber se a loja ou o artigo possui alguma redução no valor final. Lojas como Macy’s, Target, Wallgreens, CVS, Bed Bath and Beyonds costumam ter cupons que geram descontos em produtos da loja.

Respeite o trânsito

Como todo lugar no mundo, o trânsito nos Estados Unidos possui muitas regras que devem ser cumpridas, caso você não queira comprometer seu orçamento ou até mesmo, seu visto.
Nas grandes cidades americanas o trafego de carros é intenso, mas com fluxo continuo. Caso você descumpra alguma lei ou regra de trânsito, surgirá de algum lugar um carro de policia pedindo para você parar.

MUITO IMPORTANTE! Caso você seja parado, não saia do carro, nem se antecipe pegando seus documentos. Isso complicará as coisas e você será mal interpretado. Espere pelo policial dentro do carro com calma, ele irá lhe dizer o que aconteceu e porque está parando você.

A multa geralmente é alta, mas segundo a constituição americana, todos podem se defender. Por isso, você será encaminhado para um tribunal onde falará com um juiz explicando o que aconteceu e se você se considera culpado ou não. Caso o juiz considerar você um culpado, perguntará se você deseja parcelar ou negociar a multa e o valor. Do contrário, você será absolvido de sua punição.

Por isso, fique atento e dirija com cuidado!

Enjoy your trip! :)

 

Por Jéssica Grings