Canadá: mitos, verdades e fatos sobre o país

04/05/2015

Por Lucas Nonnemacher

 

A pergunta mais frequente que recebo quando digo que moro no Canadá é a seguinte:

- É verdade que o país inteiro tem neve caindo o ano todo?

Minha resposta é não, para felicidade de alguns e tristeza de outros. 

O vizinho dos americanos é o segundo maior país do mundo, ficando atrás apenas da Russia. Possui dez províncias e três territórios, sendo que cada região possui clima e paisagens próprias. Com um território tão vasto chega ser impossível nevar o ano inteiro em todos os cantos do Canadá.

Grande parte da população vive perto da fronteira com os EUA, onde o clima é menos frio e também possui um maior desenvolvimento econômico, com diversas empresas, ótimas escolas, aeroportos, etc. O período de frio intenso vai de dezembro até final de fevereiro, onde neva bastante e temperaturas frequentemente ficam abaixo de 0C. Vancouver é uma cidade que possui temperaturas mais altas se comparadas a outras metrópoles, como Toronto e Quebec, porém existem chuvas mais frequentes. Conforme você vai mais para o norte do país, mais longo e frio será o inverno, chegando a lugares que neva com bastante frequencia quase o ano inteiro, com alguns momentos de sol e calor em Junho e Julho.

 

- É verdade que o Canadá possui duas linguas oficiais?

Sim, o país possui pessoas que falam inglês e francês (e alguns povoados ao norte possuem linguas locais). Quebec é a única província onde o Francês é lingua oficial. Pensando em viajar por Montreal e Quebec City e não consegue desenvolver uma conversa além do Bonjour? Sem problemas, as cidades grandes possuem pessoas bilingues trabalhando em todos os setores, desde o Mc Donalds até a camareira do hotel. Agora viajar pelo interior da província pode reservar algumas surpresas e histórias engraçadas, pois nem todos entendem a lingua inglesa.

 

- O sotaque Canadense é igual ao americano?

Quando cheguei no país e logo nos primeiros meses eu pensava que era bem parecido, mas com o passar do tempo e algumas viagens atravessando a fronteira dos dois paises pude notar que apesar de soarem parecidos os dois ingleses possuem algumas diferenças. Algumas palavras são utilizadas apenas no Canadá, e também o país do urso polar escolheu ficar com a maneira britânia de soletrar algumas palavras. Porém nada é tão simples, devido a proximidade dos EUA, existem palavras que os canadenses usam e são de origem americana. Como é um país multicultural, nada mais justo que misturar um pouco de Inglaterra, EUA e mais algumas centenas de sotaques de diversos países e formar um idioma tão bonito que é o inglês canadense.

 

- Vi na TV que é muito fácil imigrar para o Canadá, pois não tem mão de obra suficiente no país.

Concordo e não concordo com o que a mídia brasileira está tentando passar sobre o país ultimamente. Existem sim diversos programas para imigrar para o país, independente de você já estar aqui trabalhando e estudando ou morando no Brasil. O que a mídia não deixa claro é o que você precisa para poder imigrar para o Canadá:

- Ter fluência no inglês ou francês (não adianta conhecimento básico ou intermediário, tem que tirar nota ótima no IELTS)

- Ter no mínimo uma graduação (se for na área de medicina, TI e engenharia melhor ainda)

- Experiência profissional na área de graduação

- Condições financeiras para comprovar para a imigração Canadense que você pode se sustentar na sua chegada ao país (tem que ter um bom cofrinho guardado, pode contar com apoio de familiares para comprovar valores)

- Ser jovem ganha pontos extras, casados também

- Estar disposto a deixar para trás grande parte de sua vida, isso inclui: novelas, o futebolzinho de domingo, a churrascada, aquela cerveja gelada no bar da esquina, amigos e parte da família.

- Começar a vida em um país novo não é fácil, talvez no começo tenha que começar por baixo, em um emprego menos interessante ou algo que você nunca fez na vida

Pontos positivos: o Canadá é um ótimo país, com muita oportunidade para pessoas trabalhadoras. Existe respeito pelo ser humano e todo trabalho é reconhecido aqui, vergonha é não trabalhar. Acesso de graça a saúde pago pelo governo, ótimos salários, segurança e um país fantástico para se conhecer no tempo livre são apenas alguns dos pontos positivos que você vai ver logo que pisar aqui.

 

Por Lucas Nonnemacher, suporte Estudar no Exterior em Toronto


 



Notice: Undefined index: nome_turno in /var/www/html/application/modules/default/controllers/BlogController.php on line 279